Mobilidade urbana: ir de bicicleta ao trabalho aumenta a produtividade, diz pesquisa

Mobilidade mais ágil até o espaço de trabalho estressa menos e afeta a produtividade pelo resto do dia.

2 de agosto de 2022 - 2 minutos de leitura

Autor: Redação

Compartilhe:

Ir de bicicleta ao trabalho pode aumentar a produtividade dos colaboradores, indicou estudo da Universidade de Dartmouth, nos Estados Unidos. Mais do que o hábito, a mobilidade mais ágil trazida pela bike afeta diretamente o nível de estresse dos trabalhadores e tem tudo a ver com o jeito que as cidades são construídas.

Cientistas acompanharam a rotina de trabalhadores norte-americanos do setor de tecnologia. A maioria deles fazia trajetos de carro até o trabalho, com rotas que duravam entre 40 minutos e 60 minutos por dia. Outros iam de bicicleta e a pé. Os resultados mostraram que aqueles que procuravam ir a pé ou de bicicleta para o trabalho chegavam menos estressados. E mais: essas primeiras horas do dia definiam a performance deles ao longo do expediente.

Mobilidade urbana

Segundo o estudo, o desempenho mais produtivo tem a ver com a experiência positiva no trajeto de ida ao trabalho. O percurso mais agradável impacta diretamente nas relações de trabalho, conforme mostrou o levantamento. Esses funcionários eram mais solícitos com os colegas de equipe, além de mais rápidos e eficientes ao completar as tarefas.

O uso do modal de transporte é diretamente ligado à distância que cada funcionário vive dos seus trabalhos. Aqueles que moram mais próximos e conseguem chegar mais rapidamente ficam menos estressados e, no longo prazo, podem ter uma produtividade maior, como mostrou o estudo. 

Tempo e rotina

“Em comparação com os de baixo desempenho, os de alto desempenho apresentam maior consistência no momento em que chegam e saem do trabalho”, disse o professor de Gestão e Organizações da Tuck School of Business e coautor do estudo, Pino Audia, em um comunicado. “Isso reduz drasticamente os impactos negativos da variabilidade de deslocamento e sugere que o segredo para o alto desempenho pode estar em manter rotinas melhores”.

Outro ponto que a pesquisa notou é: quanto mais controle a pessoa tem de como vai chegar ou sair do trabalho, mais feliz ela é.